Alois Kahlhofer Filho

De Memória CVJ
Ir para navegação Ir para pesquisar
Alois Kahlhofer Filho
Partido(s) PSD (1945)
Legislaturas
Assinatura Alois kahlohfer filho assina.png

Em Joinville, Alois Kahlhofer Filho foi vereador da 1ª Legislatura pós-Era Vargas.

Vereador

1ª Legislatura (1947-1951): Em 1947, Alois obteve 57 votos, ficando na suplência pelo PSD.[1] Com o pedido de licença de Frederico Trapp, Alois assumiu o mandato em 10 de maio de 1949. [2]

Informações Biográficas

Alois nasceu em 8 de fevereiro de 1912 e faleceu em 17 de agosto de 1988.[3] Ele tinha casa na rua Affonso Pena, entre a São Paulo e Procópio Gomes (que na época se chama Abdon Baptista).[4] Alois foi presidente da Liga de Sociedades.[5]


Vereadores da 1ª Legislatura
Ademar GarciaAfonso JahnAlbano SchulzAlfredo PasoldAlfredo ZimermannAlois Kahlhofer FilhoDavid Ernesto de OliveiraEdgar KleinFernando Nunes de SantanaFrancisco EberhardtFrederico TrappGustavo SchosslandHenrique Meyer JúniorHenrique Schneider Jr.Levino DresselManuel A. da Luz FontesPlácido Olímpio da Nóbrega de OliveiraRodrigo Oliveira LoboRolf João Max ColinXaver Arp Drolshagen




Pesquisador: Patrik Roger Pinheiro - Historiador | Registro Profissional 181/SC

Como Citar
Referência

PINHEIRO, Patrik Roger. Biografia de Alois Kahlhofer Filho. Memória CVJ, 2024. Disponível em: <https://memoria.camara.joinville.br/index.php?title=Alois_Kahlhofer_Filho>. Acesso em: 24 de abril de 2024.

Citação com autor incluído no texto

PINHEIRO (2024)

Citação com autor não incluído no texto

(PINHEIRO, 2024)

Referências

  1. Resultado Final das Eleições em Joinville. Jornal de Joinville. Edição de 06 de dezembro de 1947.
  2. Solicitou Licença o vereador Frederico Trapp - Abertura de Crédito Especial. Jornal de Joinville, 12 de maio de 1949.
  3. Billion Graves. Visitado em 26/05/2022
  4. Ofício enviado à Prefeitura solicitando permissão para realizar Obras. Documento do Acervo do Arquivo Histórico de Joinville.
  5. Esta Noite, na Liga, o Banquete em Homenagem ao Prefeito de Joinville. Jornal de Joinville, 9 de março de 1955.