Gustavo Schossland

De Memória CVJ
Ir para navegação Ir para pesquisar
Gustavo Schossland
Gustavo schossland.jpg
Foto: Revista Vida Nova, de 9 março de 1951 (Clipagem do Arquivo Histórico de Joinville)
Partido(s) UDN, PSD, AST e Partido Liberal
Legislaturas 1ª, 2ª e 3ª
Assinatura Gustavo schossland assinatura.png

Em Joinville, Gustavo Schossland foi vereador da Legislatura da Era Vargas e da , e 3ª Legislatura pós-Era Vargas.

Vereador

Casarão Schossland, na Av. Getúlio Vargas
  • 1ª Legislatura (1947-1951): Em 1947, Gustavo Schossland obteve 648 votos pela UDN.[1] Com isso, ele ingressou na 1ª Legislatura (1947-1951),[2] na qual foi 1º secretário. Foi nessa legislatura que ele ofereceu o projeto de lei 140/1949 que denominava a rua Guanaraba, na época, ora chamada de Estrada Guanabara, ora de caminho Schoreder e ora de caminho da Pedreira, já que havia ali a pedreira de Oscar Geraldo Pereira.
Em 1950, Schossland foi um dos co-autores do Projeto de lei 240/1950 que, conforme comentado no artigo da 1ª Legislatura, criou susbsídios fixos para Vereadores e causou problemas para a posse de alguns vereadores eleitos da 2ª Legislatura.
  • 2ª Legislatura (1951-1954): Nas eleições de 1950, Gustavo Schossland foi eleito vereador pela UDN com 690 votos, sendo o mais votado naquelas eleições, em Joinville,[3] vindo a integrar a 2ª legislatura (1951-1954). Schossland foi um dos 6 vereadores (de 13 totais) que em 1953 votaram a favor da emancipação de Pirabeiraba, em 1953. Dissidente, ele votou na contramão do partido.[4] Nessa legislatura ele foi 1º secretário no biênio 1951-52 e Presidente da comissão de Redação e Leis. Em 1954, Schossland já estava entre os pessedistas.[5]
  • 3ª Legislatura (1955-1959): Nas eleições de 1954, Schossland foi eleito com 270 votos.[6][7] Durante essa legislatura ele foi vice-presidente da casa[8] e um dos três membros da Comissão de Redação e Leis.
Se na 2ª Legislatura Gustavo foi por um tempo Udenista dissente apoiando o PSD, em 1956 ele se tornou um pessedista dissidente unido à UDN. Na composição da chapa para a mesa diretora, seu nome foi aprovado para vice-presidente, isso sem a aprovação de seu partido.
Magnifying glass 01.svg.png Ver Também: A UDN domina as Comissões
Anúncio do Açougue - Jornal A Notícia, 1935

Informações Biográficas

Amante do turfe, em 1931 Gustavo tinha uma égua chamada Garota que disputou corrida com a égua Brilhantina, de P. Klemke. Garota perdeu a corrida.[9] Ele tinha um açougue, na Rua Santa Catarina. A casa onde este funcionava foi ampliada com o passar dos anos. Mais tarde, o açougue foi transformado em hotel e morava na propriedade o filho de Gustavo, Günther Schossland. Em maio do ano 2000, a casa sofreu dois incêndios na mesma noite, supostamente criminosos, e sucumbiu.

Uma Tragédia Familiar

No dia 1º de outubro de 1958, Harry Schossland, filho de Gustavo, foi colhido por um caminhão da prefeitura no cruzamento da Avenida Getúlio Vargas com a rua Anita Garibaldi. Harry tinha 35 anos, deixou esposa e quatro filhinhos. A reportagem do Jornal de Joinville mencionou que ele teve morte instantânea, mas também disse que veio falecer ao ser conduzido ao hospital São José.[10]

Homenagens

Há uma rua em Joinville que leva o nome do ex-vereador, lateral da Avenida Getúlio Vargas. [11]

Todos os vereadores da Legislatura da Era Vargas
Arnoldo EberhardtErnesto KrauseFernando FiedlerFrederico HuebnerGuilherme ZiehmannGustavo SchosslandJosé Koerbel JuniorJulio SchroederMax ColinMonsenhor GercinoOtto HemkeOtto PfuetzenreuterRoberto SchmidlinRodolfo HuebnerWerner Neumann
Vereadores da 1ª Legislatura
Ademar GarciaAfonso JahnAlbano SchulzAlfredo PasoldAlfredo ZimermannAlois Kahlhofer FilhoDavid Ernesto de OliveiraEdgar KleinFernando Nunes de SantanaFrancisco EberhardtFrederico TrappGustavo SchosslandHenrique Meyer JúniorHenrique Schneider Jr.Levino DresselManuel A. da Luz FontesPlácido Olímpio da Nóbrega de OliveiraRodrigo Oliveira LoboRolf João Max ColinXaver Arp Drolshagen
Vereadores da 2ª Legislatura
Affonso SchmidtAlfredo Soares PereiraArno Waldemar DöhlerArthur EberhardtBernardo TankEugênio GilgenGeraldo WetzelGustavo SchosslandHenrique Meyer Jr.José Américo Dias BarretoJuventino José da SilvaMauzirio MoreiraOswaldo Altino DoriaHenrique Schneider Jr.Hermínio Celso MoreiraPaulo HenkPaulo ScholzWaldemiro Palhares
Vereadores da 3ª Legislatura
Ademar GarciaAluísio Condeixa PiresAloizius SehnenArno Waldemar DöhlerCélio BücheleConrado de MiraDagoberto José de CamposDario Geraldo SallesEugênio JurgensGustavo SchosslandHubert HubnerJosé (Jota) GonçalvesMatilde Amin Ghanem




Pesquisador: Patrik Roger Pinheiro - Historiador | Registro Profissional 181/SC

Como Citar
Referência

PINHEIRO, Patrik Roger. Biografia de Gustavo Schossland. Memória CVJ, 2024. Disponível em: <https://memoria.camara.joinville.br/index.php?title=Gustavo_Schossland>. Acesso em: 22 de abril de 2024.

Citação com autor incluído no texto

PINHEIRO (2024)

Citação com autor não incluído no texto

(PINHEIRO, 2024)

Referências

  1. Jornal de Joinville. Resultado Final das Eleições em Joinville. Edição de 06 de dezembro de 1947.
  2. Jornal de Joinville. Resultado Final das Eleições em Joinville. Edição de 04 de dezembro de 1947.
  3. Jornal de Joinville 7 Vereadores da UDN; 4 do PSD e 2 do PTB - O Resultado Final. Edição de 15 de outubro de 1950.
  4. O Estado. A UDN contra os Municípios. Edição 11786, de 22 de dezembro de 1953. Site:http://hemeroteca.ciasc.sc.gov.br/oestadofpolis/1953/EST195311786.pdf. Visitado em 27/10/2021
  5. Eleição da Camara Municipal. A Notícia, 03 de fevereiro de 1954.
  6. Quais os Cidadãos Escolhidos por Joinville para a Futura Câmara. Jornal de Joinville, 09 de outubro de 1954.
  7. Resultados Oficiais em Joinville. A Notícia, 09 de outubro de 1954.
  8. O Estado Camara Municipal de Joinville. Edição 12100, de 4 de fevereiro de 1955. Site:http://hemeroteca.ciasc.sc.gov.br/oestadofpolis/1955/EST195512100.pdf. Visitado em 17/11/2021
  9. A Notícia TURF, a Corrida de Domingo. Edição 794, de 10 de março de 1931. Site:http://memoria.bn.br/DocReader/DocReader.aspx?bib=843709&pesq=%22Gustavo%20Schossland%22&hf=memoria.bn.br&pagfis=268. Visitado em 06/10/2021
  10. Caminhão da Prefeitura ocasiona a Morte de um Ciclista. Jornal de Joinville, 2 de outubro de 1958.
  11. Lei Municipal nº 1460, de 06 de outubro de 1976, disponível em http://leismunicipa.is/ejkar. Visitado em 06/10/2021