Édio Fernandes

De Memória CVJ
Ir para navegação Ir para pesquisar
Édio Fernandes
Edio fernandes.jpg
Foto: Arquivo CVJ
Partido(s) PSD (1945)
Legislaturas

Em Joinville, Édio Fernandes foi vereador da 5ª Legislatura pós-Era Vargas, atuando principalmente no bairro Floresta.[1]

Édio Fernandes (esquerda) em discurso inaugural da sede do Floresta[2]

Vereador

5ª Legislatura (1963-1967): Nas eleições de 1962, Édio foi eleito vereador pelo PSD com 345 votos.[3] Durante essa Legislatura ocorreu o golpe militar de 1964 e Édio não estava entre os signatários do Manifesto de 1964, uma mensagem da Câmara de Vereadores ao povo de Joinville, publicada um dia após o golpe e em apoio a ele.[4]

Eleições Perdidas

1976 - Arena - 217 votos.[5]

Informações Biográficas

Édio Fernandes foi jogador de futebol, sendo campeão defendendo as cores do Caxias.[6] Ele também presidiu a Sociedade Floresta.[2]

Homenagens

Desde 1992, uma rua no bairro Santa Catarina leva o nome de rua Édio Fernandes.[7]

Vereadores da 5ª Legislatura
Antônio Vilmar CórdovaCaetano Évora da SilveiraCurt Alvino MonichÉdio FernandesEugênio BrüskeJacinto de Miranda CoutinhoJamel DippeGuilherme ZuegeHeinz SchulzKonrad KaesemodelMarcos Manoel MartinsNorberto SimmNilson Wilson BenderReinaldo Gomes de FrançaRaulino RosskampWilly SchosslandWittich Freitag




Pesquisador: Patrik Roger Pinheiro - Historiador | Registro Profissional 181/SC

Como Citar
Referência

PINHEIRO, Patrik Roger. Biografia de Édio Fernandes. Memória CVJ, 2024. Disponível em: <https://memoria.camara.joinville.br/index.php?title=%C3%89dio_Fernandes>. Acesso em: 29 de maio de 2024.

Citação com autor incluído no texto

PINHEIRO (2024)

Citação com autor não incluído no texto

(PINHEIRO, 2024)

Referências

  1. Memória - Semana de Joinville. JI Online. Visitado em 13/04/2022
  2. 2,0 2,1 Souza, Ary Silveira de. Memórias de um Repórter Joinvilense. 1 Ed. Joinville: Editora Areia, 2018.
  3. UDN elegeu 5, PSD 3, PTB 3 e PRP 2 Representantes. A Notícia, 16 de outubro de 1962.
  4. Souza, Sirlei de. Ecos de Resistência na Desconstrução da Ordem: Uma Análise da "Revolução de 64" em Joinville. Orientador: Prof. Dr. Élio Cantalício Serpa. 1998. Dissertação (Mestrado) – Pós-Graduação em História do Centro de Filosofia e Ciências Humanas, Universidade Federal de Santa Catarina.
  5. Resumo Final e Oficial do Pleito de 15 de Novembro. A Notícia, 19 de novembro de 1976.
  6. Passado de Glórias. Correio do Povo, de Jaraguá do Sul, 4 de abril de 2008. Visitado em 13/04/2022
  7. Lei Municipal nº 2701, de 28 de julho de 1992. Visitado em 13/04/2022