Jean Bauer

De Memória CVJ
Ir para navegação Ir para pesquisar
Jean Bauer
Jean bauer.png
Foto: Acervo de Paulo José da Costa
Partido(s) Partido Conservador (1837) e Partido Liberal (1831)
Legislatura 1ª e 4ª Monárquica
Assinatura Jean bauer assina.jpg

Em Joinville, Jean Bauer, às vezes chamado de João Bauer,[1] foi vereador da e 4ª Legislatura do período monárquico.

Vereador

Ata da Sessão de 8 de julho de 1878: Bauer não queria mais comparecer às sessões.
  • 1ª Legislatura monárquica (1869-1874): Fazendo 80 votos pelo Partido Conservador, Bauer foi eleito vereador nas eleições de 1868.[2] Como a legislatura acabou se delongando mais que o previsto devido a irregularidades nas eleições para a nova composição da Câmara, Bauer acabou se cansando do trabalho de vereador. Em 8 de julho de 1873, Bauer declarou que não queria mais ter que comparecer às sessões da Câmara, porque já servira por quatro anos e meio como vereador.[3] No entanto, ele permaneceria no cargo até o fim (março de 1874). E Bauer não ficou de má vontade. Em dezembro de 1873, Bauer leu na Câmara um relatório da Comissão de Obras Públicas, da qual ele fazia parte, que informava o estado de conservação de todas as estradas do município. Recordando que os vereadores não recebiam salários e que como esse foi um trabalho que exigiu muito tempo da mencionada comissão, a Câmara dirigiu a Bauer e demais membros da comissão um voto de louvor e gratidão.[4]
  • 4ª Legislatura monárquica (1881-1883): Conquistando 42 votos, Bauer foi eleito vereador nas eleições de 1880.[5] Ele integrava a chapa Liberal.[6]

Informações Biográficas

Numa listagem dos membros do Partido Liberal, em 1878, Bauer é descrito como negociante.[7] Quando a república foi proclamada, Canac pediu para enviar um carro até a estrada da serra para buscar Bauer,[5] o que indica que seu negócio e residência ficavam em Pirabeiraba. Por ter sido de baixa estatura, Bauer ganhou o apelido de "Der Kleine Baumer" (O Pequeno Baumer).[8]

Bauer, o republicano

Jean Bauer esteve entre os fundadores do Clube Republicano, fundado em 1886 sob a presidência de Victorino Bacellar. Quando a notícia da proclamação da república chegou à Joinville através do telegrafista Ignacio Bastos, Ernesto Canac providenciou que Jean Bauer fosse avisado por Henrique Jordan para vir celebrar a novidade.[5]

Outros fatos importantes

  • 1858 - Membro-fundador e tesoureiro da sociedade Harmonie, que mais tarde se uniria ao Lyra (Hamornia-Lyra).[5]
  • 1883 - Eleito juiz de paz.[5]
  • 1886 - Membro-fundador do Clube Republicado.[5]
  • 1886 - Eleito juiz de paz.[5]
  • 1891 - Eleito juiz de paz.[5]
  • 1892 - Eleito juiz de paz.[5]
  • 1895 - Eleito juiz de paz, 4º mais votado, 143 votos.[9]
Vereadores da 1ª Legislatura Monárquica
Adolph HaltenhoffBenno von FrankenbergBernardo Poschaan Jr.Carlos MonichFrederico JordanFrederico LangeFrederico SchlemmJacob RichlinJean BauerLudovico von LaspergOttokar Dörffel




Pesquisador: Patrik Roger Pinheiro - Historiador | Registro Profissional 181/SC

Como Citar
Referência

PINHEIRO, Patrik Roger. Biografia de Jean Bauer. Memória CVJ, 2024. Disponível em: <https://memoria.camara.joinville.br/index.php?title=Jean_Bauer>. Acesso em: 24 de abril de 2024.

Citação com autor incluído no texto

PINHEIRO (2024)

Citação com autor não incluído no texto

(PINHEIRO, 2024)

Referências

  1. A República e Joinville. Commercio de Joinville, 18 de novembro de 1905. Visitado em 07/11/2022
  2. Há Quase um Século Foi Eleita a 1ª Câmara Municipal de Joinville. Jornal de Joinville, 09 de março de 1968.
  3. Ata da Sessão Ordinária de 8 de julho de 1873, em guarda do Arquivo Histórico de Joinville.
  4. Ata da Sessão Ordinária de 4 de dezembro de 1873, em guarda do Arquivo Histórico de Joinville.
  5. 5,0 5,1 5,2 5,3 5,4 5,5 5,6 5,7 5,8 Ficker, Carlos. História de Joinville - Crônicas da Colônia Dona Francisca. 2 Ed. Joinville: Impressora Ipiranga, 1965. ISBN: 8578020197
  6. Eleição Municipal - Chapa Liberal. Gazeta de Joinville, 29 de junho de 1880. Visitado em 01/12/2022
  7. Correspondências. Gazeta de Joinville, 30 de julho de 1878. Visitado em 07/11/2022
  8. Rosa Herkenhoff. Subsídios Históricos. Blumenau em Cadernos, edição de agosto de 1986.
  9. Das Wahlresultat. Kolonie Zeitung, 09 de abril de 1895.