Hermann August Lepper

De Memória CVJ
Ir para navegação Ir para pesquisar
Hermann August Lepper
Hermann august lepper.JPG
Foto: Acervo do Arquivo Histórico de Joinville
Partido(s) Partido Conservador (1837)
Legislaturas 3ª e 5ª legislatura Monárquica

Em Joinville, Hermann August Lepper, ou Germano Lepper, foi vereador da e 5ª Legislatura Monárquica.

Vereador

H. A. Lepper, provavelmente entre 1860 e 1870. Foto: Roberto Hofmann. Acervo AHJ
  • 3ª Legislatura Monárquica (1877-1881): Conquistando somente 1 voto nas eleições de 1876, Hermann Lepper ficou na suplência mas acabou sendo convocado devido a um processo judicial que suspendeu cinco vereadores por cerca de um mês.[1] Empatado em votos com outros quatro suplentes na 5ª posição de suplência, Hermann foi sorteado como 5º suplente na sessão de 15 de outubro de 1877.[2] Efetuou o juramento na sessão de 22 de Outubro de 1877.[3]
Magnifying glass 01.svg.png Ver artigo principal: Assembleia Legislativa Provincial versus Câmara de Joinville
  • 5ª Legislatura Monárquica (1883-1887): Disputando as eleições pelo Partido Conservador, Hermann August Lepper não obteve o quociente eleitoral para eleger-se já no primeiro pleito, em 1º de julho de 1882.[4] Ele esteve então entre oito candidatos que participaram de um segundo pleito no dia 21 do mesmo mês, que definiria mais quatro vereadores. Nessa ocasião, Hermann conquistou 13 votos e foi eleito vereador.[5]
Foi durante essa legislatura, em 1884, que Lepper viajara a Hamburgo e de lá enviara um catálogo de preços da tubulação para instalação do abastecimento de água na cidade. Lepper se prontificou a ajudar com 10 contos de réis para a aquisição do material.[6][7][nota 1]

Eleições Perdidas

1880 - Partido Conservador - 8 votos.[8]

Outros Mandatos

Deputado Provincial e Estadual

Deputado Provincial

  • 24ª Legislatura (1882 - 1883):[9] Pelo partido conservador, Hermann recebeu 81 votos na paróquia de Joinville, contra 6 de seu adversário Liberal, Joaquim Vieira de Miranda Évora.[10]
  • 26ª Legislatura (1886-1887)[9] Disputando eleições contra João Paulo Schmalz, Hermann conquistou 106 pelo partido conservador, contra 32 de seu adversário Liberal.[6]

Deputado Estadual

  • 5ª Legislatura (1901-1903)[9]

Informações Biográficas

Em primeiro plano, a antiga casa dos Lepper. Depois, a empresa têxtil. Possivelmente 1927. Foto: Acervo AHJ

Hermann August Lepper nasceu em 3 de julho de 1842, em Glückstadt, no Schleswig-Holstein, ducados no norte da atual Alemanha.[11] Atuante na crescente Joinville, Lepper atuou em cargos de autoridade, como vereador e juiz de paz, além de ser uma liderança na área econômica. Hermann montou uma bem conhecida casa comercial e entrou no ramo da Erva-Mate, mantendo u m engenho em Campo Alegre. Hermann também fundou uma das empresas mais marcantes da história joinvilense, a Lepper.

  • 1872 - Promovido a tenente da Guarda Nacional pela presidência da província.[6]
  • 1877: Lepper esteve entre os que fizeram donativos para ajudar os enfermos de São Francisco do Sul, onde grassou uma epidemia de febre amarela. Ele contribuiu com 5 mil réis.[12]
  • 1878 - Nas eleições paroquiais, ficou na suplência de eleitor de 2º grau. Estes são os que participavam em pleitos para deputados e senadores.[13]
  • 1881 - 2º Juiz de Paz Substituto,[9] assumiu o cargo algumas vezes.[14]
  • 1881 - Eleito presidente do Club Joinvillense.[15]
  • 1907 - Fundação da atual Companhia Fabril Lepper. Um ano depois, a empresa já tinha 16 teares.[16]
  • 1909 - Quando a energia elétrica foi inaugurada em Joinville, Hermann Lepper foi um dos discursantes, historiando acerca dos 55 anos de progresso crescente da já pujante Joinville.[17]
  • 1911 - Fundador da ACIJ - Associação Comercial e Industrial de Joinille. As primeiras reuniões ocorreram na casa de Lepper.[18]

Hermann Lepper faleceu em 22 de junho de 1930, em Joinville.[11]

Família

Helena Trinks, eternizada no nome de um hospital. (Foto: Benque & Kindermann, Hamburgo, Alemanha. Acervo AHJ)

Hermann era filho de Moritz Heinrich Lepper conhecido como Heinrich, que foi mestre ceramista na olaria de Benno von Frankenberg. Hermann casou-se com Helene Trinks, que presidiu a Associação Beneficente de Senhoras Evangélicas, fundadoras da instituição que mais tarde seria o Hospital Dona Helena. Hermann era irmão de Henrique Lepper, que também foi vereador em Joinville.[19]

Homenagens

O logradouro onde se localiza a Câmara de Vereadores de Joinville leva o nome de avenida Hermann August Lepper.

Galeria de Imagens

Vereadores da 3ª Legislatura Monárquica
Augusto StockCarlos KumlehnCarlos MonichCarlos PatzschFernando RognerFrederico JordanFrederico HeerenFrederico LangeFrederico MuellerHenrique LepperHenrique WalterHermann August LepperMartin BächtoldOttokar Dörffel
Vereadores da 5ª Legislatura Monárquica
Antônio José RibeiroAugust HeerenCarlos MonichCarlos PatzschGustav HasseHermann August LepperJoão Gomes de OliveiraJoão Paulo SchmalzJosé Celestino de OliveiraGuilherme BernerManuel Nunes da Silveira




Pesquisador: Patrik Roger Pinheiro - Historiador | Registro Profissional 181/SC

Como Citar
Referência

PINHEIRO, Patrik Roger. Biografia de Hermann August Lepper. Memória CVJ, 2024. Disponível em: <https://memoria.camara.joinville.br/index.php?title=Hermann_August_Lepper>. Acesso em: 24 de abril de 2024.

Citação com autor incluído no texto

PINHEIRO (2024)

Citação com autor não incluído no texto

(PINHEIRO, 2024)

Notas

  1. Na obra "História de Joinville - Subsídios para a Crônica da Colônia Dona Francisca", Ficker informa que Lepper trouxera da Alemanha um catálogo de preços da tubulação e outras peças necessárias. Observando a Ata da reunião de 15 de abril de 1884, no Kolonie Zeitung, fica evidente que Lepper enviou o catálogo da Alemanha, mas ele lá permaneceu esperando a liberação para compra do material.

Referências

  1. Noticias Locaes - Processo de Responsabilidade. Gazeta de Joinville, 2 de outubro de 1877.
  2. Ata da Sessão Ordinária de 15 de outubro de 1877, em guarda do Arquivo Histórico de Joinville.
  3. Ata da Sessão Ordinária de 22 de outubro de 1877, em guarda do Arquivo Histórico de Joinville.
  4. Noticias Locaes - Eleições Municipais. Gazeta de Joinville, 5 de julho de 1882. Visitado em 19/11/2022
  5. Noticias Locaes - Eleição Municipal. Gazeta de Joinville, 6 de julho de 1980. Visitado em 20/01/2023
  6. 6,0 6,1 6,2 Carlos Ficker. História de Joinville - Subsídios para a Crônica da Colônia Dona Francisca. Joinville: Impressora Ipiranga, 1965.
  7. Inland - Locales - Kolonie Zeitung, 21 de junho de 1984.
  8. Edital. Gazeta de Joinville, 6 de julho de 1880. Visitado em 20/01/2023
  9. 9,0 9,1 9,2 9,3 Germano Augusto Lepper. Memória Política de Santa Catarina. Visitado em 25/04/2023
  10. Noticias Locaes. Gazeta de Joinville, 11 de janeiro de 1882. Visitado em 25/04/2023
  11. 11,0 11,1 Hermann August Lepper Familysearch. Visitado em 25/04/2023
  12. Annuncios Gazeta de Joinville, 2 de abril de 1878. Visitado em 22/11/2022
  13. Edital. Gazeta de Joinville, 13 de agosto de 1878. Visitado em 06/10/2023
  14. Editaes. Gazeta de Joinville, 6 de julho de 1881. Visitado em 25/04/2023
  15. Noticias Locaes. Gazeta de Joinville, 3 de agosto de 1881. Visitado em 12/07/2023
  16. Jornal Gazeta de Joinville, 26 de setembro de 1908.
  17. Jornal Gazeta de Joinville, 27 de Fevereiro de 1909.
  18. História Completa da ACIJ. Site da ACIJ. Visitado em 25/04/2023
  19. Maria Cristina Dias. De Helenenheim a Hospital Dona Helena, um século de atenção à saúde. ND+. Arquivado do original. Visitado em 25/04/2023.